Archive for janeiro \26\UTC 2017

COMEÇAR BEM

26 de janeiro de 2017

Young people jumping on Mission Beach, San Diego, California, USA

Existe uma força interior que nos motiva a pensar o futuro próximo com maior esperança. Faz bem ao coração de qualquer pessoa, apesar das complicações encontradas na estrada da vida, dedicar-se a visualizar com ares renovados os dias que chegarão.

Um novo ano é sempre uma honesta possibilidade de continuarmos melhorando nossa condição existencial. Para que isso nos atinja de verdade é preciso fazer algumas pequenas escolhas que fortificarão nossos pensamentos, sentimentos e ações em relação a si, aos outros, à vida, a Deus.

Quem gosta de pescar sabe que é “preciso ter pressa para chegar e paciência para pescar”. Talvez diante do novo ano, tenhamos pressa para que chegue, mas, na verdade, precisamos ter paciência para colher os frutos que, de alguma maneira, estão reservados para nós. Paciência é um comportamento a ser treinado para que o fruto merecido seja recolhido no tempo certo.

Um dia de cada vez: administrar o tempo é uma riqueza existencial. Ter a plena consciência que para cada dia há conquistas e desafios. Não resolvemos tudo em um dia só, e também não perdemos tudo. É necessário bom senso diante da agenda. Fazer cada ação do dia com a qualidade que lhe é devida. Isto, para que nenhum dia seja um “peso”,  mas sim, a oportunidade de aproveitar o que é próprio do dia. Tomar um bom café; estar atento na reunião; cumprimentar com simpatia as pessoas que encontrar; evitar reclamações desnecessárias; evitar tomar refeição sozinho,  ir dormir mais cedo.

Ritualizar momentos importantes: faz muito bem ao coração ritualizar os momentos significativos da vida. Por exemplo, comemorar o aniversário, se alegrar pelo dom da vida na companhia de pessoas que lhe fazem bem. Se reunir, receber o afeto de quem o admira. O rito qualifica o que acreditamos. Se você acredita na vida, quer que tenha sempre um valor inegociável, então a celebre.

Encontrar-se com pessoas: além dos encontros “comerciais”, procure ter encontros especiais. Os encontros mais importantes não estão no rol dos negócios, mas sim dos afetos. Tomar um café na companhia de alguém que você quer bem; realizar uma caminhada com um amigo; assistir um bom filme, ir a uma festa, participar de uma celebração… encontrar-se com alguém que é importante na sua vida é revitalizar a alma. É recuperar a alegria de viver. Um bom encontro nos eleva e faz a vida mais leve.

Orar com o coração: orar é um movimento da alma. É um caminho seguro que faz o grande encontro acontecer: o humano com sua prece e o Divino com a sua Graça. Orar em qualquer momento e lugar durante o passar do seu dia faz com que o equilíbrio psíquico e emocional esteja ativado. No momento difícil, orar! Na alegria vivenciada, orar! Orar é viver a partir do interior para qualificar o exterior.

Pe Ederson Iarochevski

Começar…

Fazendo o bem
Cantando a paz
Ajudando o outro
Fortalecendo afetos
Orando a vida
Vivendo com mais simplicidade
Sendo feliz.

Anúncios

%d blogueiros gostam disto: