Archive for agosto \21\UTC 2013

O MUNDO TEM CONSERTO

21 de agosto de 2013
Buscando a felicidade - Trento Lungaretti

Buscando a felicidade – Trento Lungaretti

O mundo tem conserto, mas, para tal obra precisamos de corações consertados. Cada um de nós, humanos que somos, vive em constante tensão, e assim resume o sociólogo Edgar Morin  “homo sapiens homo demens” (homem sábio, homem louco), ora acertamos e evoluímos, ora erramos e, não tomando consciência do erro, regredimos.

Mas, o ponto importante aqui é, justamente, o tomar consciência. Cada pessoa sabe que sabe. Isto nos torna conhecedores de nós mesmos, podendo assim  ser o próprio gestor de sua vida: pensar-se e responder por si, a partir de princípios e valores que buscamos viver. Tomar consciência, então, é voltar-se para si, para o que pensa, sente e faz. É iluminar-se pelo avesso,  começar pelo lado de dentro. É não ter medo de descer aos porões de nossa consciência para fazer a limpeza necessária.

Muito me encantou na JMJ, especialmente na caminhada da Estação Central até a praia de Copacabana, a quantidade de jovens que buscavam os sacerdotes para que, enquanto caminhavam, pudessem receber o sacramento da confissão. O sacramento da cura dos corações e da mente, a certeza de que Deus, por seu infinito amor e misericórdia, garante àquele que tomou consciência de seus erros uma nova chance para recomeçar com alegria e leveza, assumindo livremente que o caminho do pecado deve ser evitado, e a Graça acolhida sempre. É uma postura de quem não tem medo de se reconhecer frágil e decide-se a optar pela força do amor de Deus para tocar sua vida adiante. É emocionante sentir que os jovens desejam, ardentemente, reorientar suas vidas a partir do coração de Deus.

Isso fortalece em nós a convicção de que os jovens cristãos são conscientes de sua fé e fazem da sua vida um espaço de livre acesso para Deus agir. O jovem que alimenta sua fé na escuta da Palavra, alimentando-se da eucaristia e buscando viver em Cristo através da acolhida e vivência dos sacramentos faz com que sua vida ganhe sentido pleno. É este jovem que toma consciência de sua unidade com Deus que será verdadeiramente a janela pela qual o futuro entrará, na afirmação do papa Francisco. É este jovem que abraçará as causas de justiça e de paz e será protagonista de um mundo mais saudável.

Bendito sejam os jovens que, em sua caminhada, seguem os passos do Bom Pastor, na certeza de que as causas assumidas a partir de agora estão ligadas àquele que nos chamou para sermos sal e luz: Jesus Cristo.

Pe. Éderson Iarochevski


%d blogueiros gostam disto: